quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Pensar com o coração. Sentir com o cérebro.


Medicina nativa não é generalista. Estabelece o bem para cada pessoa. Essa é a afirmativa do psicoterapeuta Amir El Aouar que, nesta última parte de sua entrevista ao Salutis, explica como é a sua récita para a saúde que reconhece a perfeição em si, "o ser que sou comanda o pensar, o sentir e o agir" e faz homenagem à suprema inteligência amorosa que comanda a existência. 
Confira.

Thinking with the heart. Feel with the brain.
Medicine is not native generalist.
Establishes the right for every person. This is the statement of Amir El Aouar psychotherapist who, in the latter part of his interview with Salutis, explains how his recitation to health that recognizes the perfection itself, "the being who commands the'm thinking, feeling and acting" and pays homage to the supreme loving intelligence that drives existence.
Check out.